Amazonas em destaque
Notícias do Estado do Amazonas, Interior do Amazonas

Em Carauari, Governo do Amazonas entrega kits de segurança para 61 contemplados pelo projeto Motociclista Legal

Cada kit é composto por um capacete e colete

“Para vocês, isso pode parecer pouco. Mas, para a classe, representa muita coisa”. As palavras são do mototaxista Waldemir Souza Costa, de 60 anos, um dos 61 profissionais da categoria contemplados pelo projeto Motociclista Legal, nesta terça-feira (12/04), em Carauari (a 788 quilômetros de Manaus). Operado há um mês, ele recebeu, em casa, o kit de segurança ofertado pelo Governo do Amazonas, por meio do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM).

Mototaxista há pelo menos 30 anos, Waldemir diz ser a primeira vez que está sendo contemplado por um programa social do Governo do Estado. Ele falou sobre a importância do kit, composto por capacete e colete, para a categoria.

“Representa uma satisfação, porque quando você trabalha com segurança você tem satisfação de trabalhar, você tem prazer. Mas quando você trabalha inseguro você não se sente à vontade. Isso é uma honra para a categoria”, destacou o mototaxista.

Eliorcleison do Nascimento, 28, também foi um dos profissionais que receberam o kit, em Carauari. Assim como Waldemir, ele elogiou o projeto Motociclista Legal e agradeceu o Governo do Amazonas pelo capacete e o colete.

“Já tinha uns 15 anos que não éramos ‘vistos’, até essa gestão. Estamos muito felizes, pois estamos todos padronizados e há muito tempo que não recebíamos nada”, concluiu Eliorcleison.

Sobre o projeto – O Motociclista Legal faz parte do programa Detran Cidadão, uma iniciativa do Governo do Amazonas que tem como objetivo capacitar, gratuitamente, os mototaxistas e motofretistas do estado com o curso de capacitação e de atualização, além da disponibilização, também gratuita, de kits de segurança contendo capacete e colete.

O benefício é entregue apenas aos mototaxistas que estão com os cursos de atualização ou de especialização em dia, maiores de 21 anos e que possuem CNH há mais de 2 anos.

FOTO: Tácio Melo/Secom e Divulgação/Detran-AM